Somos…

escolha

O belíssimo texto que trago hoje, para nossa reflexão, é de Marcia Grad, que “simboliza o trajeto que todos nós fazemos na vida, na medida em que separamos a ilusão da realidade e descobrimos quem somos e como funciona este milagre cotidiano que é a vida”.

Vamos à leitura!

SOMOS,

Antes de mais nada criaturas do universo: completas, belas e perfeitas em cada detalhe, seguindo os desejos do infinito.
Por isto merecemos, por direito natural, ser amados e respeitados, e é nosso dever não aceitar nada mais.

Assim como todo oceano pode ser visto numa gota de água, também nós somos a essência da vida.
Da mesma forma que a maré sobe e desce, também nós nos movemos com o fluxo da vida, aceitando que a única coisa constante é a mudança e que tudo é como tem que ser, mesmo que muitas vezes não saibamos por quê.

Nos braços da debilidade está a força ansiosa para poder sair.
Nas garras da dor, o prazer que espera o seu momento.
E num caminho cheio de obstáculos, a oportunidade que se apresenta com eles.
Isto é o que nos brindam estes mestres em nossas vidas e devemos ser-lhes eternamente gratos.

Formamos parte de um grande plano que não depende de nós.
Todos temos um lugar reservado neste grande projeto e uma razão para existir.
A experiência não é sempre a verdade, pois aparece colorida pelos olhos de quem a vê.

Só no silêncio de nossa mente poderemos ouvir a verdade.
A doce voz que fala ao coração como um sussurro, é a voz do criador que desperta dentro de nós para que sejamos conscientes do que somos na realidade, do que se espera que façamos e de tudo o que sabemos.

 Cada novo momento é um banquete de infinitas possibilidades.
Cada dia é uma fruta deliciosa que espera ser colhida.
Continuamente, devemos apanhar a colheita, comer até saciarmos sem esbanjar, pois muito valioso é o que temos diante de nós.
E tudo o que é muito rápido, será passado.

Quando caminhamos pela trilha da verdade, sentimos como fluem dentro de nós a beleza e a perfeição de tudo o que somos, o que são os demais e o universo.
Escolhemos o caminho da ternura, da amabilidade, da compaixão, da aceitação e do apreço.
Nossa mente se enche com todas estas coisas e tal plenitude cria amor em nosso coração que, por sua vez, traz amor para nossa vida.

Quando seguimos pelo caminho da verdade somos conscientes também de que o que acontece em nosso interior é muito mais importante do que aquilo que deixamos para trás ou aquilo que vêem os nossos olhos.
Pois o que sentimos no nosso interior é nosso maior tesouro, é a grandeza do universo em si mesmo.

Luz e paz

Tenório de Lucena

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s