O sentido da vida

Para algumas pessoas a vida, infelizmente, não faz sentido… Vão vivendo pelo simples fato de existirem…
Outras buscam saber que sentido devem dar a ela, acreditando que existe uma razão para viver…
Felizmente, tem aquelas que, com simplicidade e sabedoria, compreenderam seu real significado e nos ensinam, como nos pequenos textos abaixo:

Ninguém é dono da sua felicidade, por isso não entregue a sua alegria, a sua paz, a sua vida nas mãos de ninguém, absolutamente ninguém. Somos livres, não pertencemos a ninguém e não podemos querer ser donos dos desejos, da vontade ou dos sonhos de quem quer que seja. A razão de ser da sua vida é você mesmo. A sua paz interior deve ser a sua meta; quando sentir um vazio na alma, quando acreditar que ainda falta algo, mesmo tendo tudo, remeta o seu pensamento para os seus desejos mais íntimos e procure a divindade que existe dentro de si. Pare de procurar a sua felicidade cada dia mais longe. Não tenha objetivos longe demais das suas mãos, abrace aqueles que estão ao seu alcance hoje.

Se está desesperado por problemas financeiros, amorosos ou de relacionamentos familiares, encontre no seu interior a resposta para se acalmar, você é reflexo do que pensa diariamente. Pare de pensar mal de si mesmo, e seja o seu próprio melhor amigo, sempre. Sorrir significa aprovar, aceitar, felicitar. Então abra um sorriso de aprovação para o mundo, que tem o melhor para lhe oferecer. Com um sorriso, as pessoas terão melhor impressão sua, e você estará afirmando para si mesmo, que está pronto para ser feliz. Trabalhe, trabalhe muito a seu favor. Pare de esperar que a felicidade chegue sem trabalho. Pare de exigir das pessoas aquilo que nem você conquistou ainda. Agradeça tudo aquilo que está na sua vida, neste momento, incluindo nessa gratidão, a dor. A nossa compreensão do Universo ainda é muito pequena, para julgarmos o que quer que seja na nossa vida. A grandeza não consiste em receber honras, mas em merecê-las”.

Paulo Roberto Gaefke (Escrito em 2002)

“Não sei se a vida é curta ou longa demais para nós.
Mas sei que nada do que vivemos tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas.
Muitas vezes basta ser: colo que acolhe; braço que envolve; palavra que conforta; silêncio que respeita; alegria que contagia; lágrima que corre; olhar que acaricia; desejo que sacia; amor que promove.
E isso não é coisa de outro mundo.
É o que dá sentido à vida. É o que faz com que ela não seja curta nem longa demais. Mas que seja intensa, verdadeira, pura, enquanto durar!”

(Cora Coralina – poetisa brasileira)

Luz e Paz.

Tenório Lucena

2 comentários Adicione o seu

  1. gaefke disse:

    Gostaria de solicitar-lhe a gentileza de inserir a autoria devida no texto que inseriu aqui em:
    https://sabedoriauniversal.wordpress.com/2012/04/24/o-sentido-da-vida/
    O texto Revolução da Alma é de minha autoria, como pode ver em diversos sites onde está correta a autoria e não Aristóteles (SIC)
    Obrigado
    http://www.meuanjo.com.br/revolucao-da-alma-paulo-roberto-gaefke/

    http://gshow.globo.com/programas/mais-voce/v2011/MaisVoce/0,,MUL989562-10354,00-NINGUEM+E+DONO+DA+SUA+FELICIDADE.html

    1. Cíntia Michepud disse:

      Paulo,
      Obrigada. Esta alterado já! Parabens pelo texto!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s