Bem-vinda, Primavera

E, respeitando o ciclo do mundo, da vida e de nós mesmos, vem a natureza com um presente inestimável. Embrulhado em papel colorido, com laço de fita de seda, recebemos um pacote recheado de aromas inebriantes, canto de pássaros e cheiro de chuva depois de um dia de sol. Dentro dele, um céu azul salpicado de nuvens brancas e pontinhos multicoloridos que enfeitam o caminho que seguimos.

Chegou a Primavera, trazendo, mais do que flores e perfumes, a oportunidade de renascimento. Porém, para renascer é preciso compreender que é possível nos assemelharmos com os sábios ciclos da natureza, entendendo que findou-se a época da reflexão. Assim, deixamos para trás as dores e incertezas, finalizando o momento do ‘balanço de vida’. A neve derrete, o verde retoma a soberania da paisagem e o branco, pálido e imponente, se desdobra em azuis, amarelos, rosas, carmins, fúcsias e outras tantas cores que nem sequer sabemos nomear.

Se o seu coração vivia no frio, a natureza lhe estende a mão e lhe conta que chegou a hora de aquecê-lo. Junto com os ursos, o momento da hibernação acabou. Acorde menina(o)! Vá ver o mundo lá fora. Há tantas coisas novas para descobrir. Tantos perfumes, pessoas, presentes… Passados não são bem-vindos, somente o que se aprendeu com eles.

É hora de abrir os olhos, o coração e alma pra vida que está prestes a florescer. Não tenha medo de mudar, não se acostume com o mediano. A mediocridade, quando nos convida para entrar em sua casa, pode se tornar perigosa. De tão persuasiva, é capaz de convencer qualquer ser humano distante de sua luz que o médio é suficiente. Não aceite e nem se conforme com isso.

Chegou a hora de querermos mais: mais flores, mais abraços, mais amor, mais sucesso, mais ‘bom dias’ desejados com verdade, mais solidariedade e compreensão.

Apenas não se esqueçam que você tem, todos os dias, 24h de um roteiro surpresa pra viver. O papel que irá desempenhar, seja da mocinha indefesa ou do herói bem-sucedido, caberá a você escolher!

Uma primavera abençoada a todos nós. Que nossa luz se expanda e que o perfume de nossas almas exale por onde passarmos. Leveza, alegria, doçura e delicadeza. É o que eu desejo para você!

Amor, luz e consciência. Sempre.

Cíntia Michepud

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s