Solte as rédeas!

Que mania essa que a gente tem de querer estar no controle de tudo! Reparem em como é automático queremos desenhar cada milímetro do dia, do mês, do ano… da vida! O grande problema é que quem alimenta essa obsessão pelo controle é o nosso tão conhecido EGO, famoso por nos limitar e nos fazer chegar ao nosso limite mental muitas e muitas vezes.

Aprendemos desde cedo a nos identificar com o ‘eu’, porém, ficamos na superficialidade desse conceito e o ‘eu’ logo se transforma em ‘meu’, ‘comigo’ e ‘para mim’. Vivemos buscando alguém ‘para viver comigo’, um emprego para ‘ME’ satisfazer e dar cada vez mais dinheiro e status, o ‘meu cachorro’, ‘meu carro’, ‘minha viagem de férias’, etc.

Tudo isso é muito lindo e não há nada de errado em desejarmos ter, o ponto é que não podemos viver em função desses fatores, tampouco pensarmos que somos o que temos. É tão dissonante, tão incompatível que se pararmos um pouco para refletir veremos o quanto estamos sendo irreais. Quando entramos nessa frequência do ter, naturalmente sofremos com cada curva no caminho: o que era meu ontem, hoje já não é mais. O amanhã vive como uma constante ameaça… e viver assim desgasta, cansa, drena nossas energias!

Abra mão do controle…abra mão do que você chama de ‘minha vida’, ‘minha carreira’, ‘meu corpo’, ‘meu relacionamento’. Abra mão com sabedoria, ou seja, olhe com amorosidade para cada uma dessas esferas da sua vida no momento de Agora e deixe que o passado e o futuro ocupem o lugar a que eles lhes pertencem.

Imaginem o corpo humano: sem perceber, nesse exato segundo enquanto você lê esse texto, seu coração bate, seu pulmão infla e esvazia, seus olhos piscam, suas células se regeneram, seu rim está filtrando impurezas, seu cérebro fazendo milhões de sinapses, seu labirinto lhe garante o equilíbrio e mais milhares de funções acontecendo ‘tudojuntoagora’. Imagina se você tivesse, com esse seu imponente desejo de controle, coordenar tudo o que se passa com seu corpo. Impossível, não é mesmo?

Por que cargas d’água você acha, então, que tem a capacidade de controlar tudo na sua vida? A força divina e mágica que maestra a perfeição do corpo humano é exatamente a mesma que atua no desenrolar da sua vida, trazendo à você situações que permitam evolução, reflexão e alegrias. Faça sua parte, alimente-se com energias boas, vibre amorosidade e exercite o seu lado otimista – de resto, deixe a sabedoria do universo atuar.

Confia! Não queira ter responsabilidades e funções maiores daquelas que você, como ser humano, pode ter. Entrega, aceita, confia e agradece. Agradece desde já tudo que se foi e do qual você se livrou. Agradece cada aprendizado. Agradece cada amanhecer que vem acompanhado da oportunidade de fazer melhor, de ser melhor, de se amar mais. Agradece e vive… Mas vive com leveza, sem se PRÉocupar. A vida vai se desenrolando no seu ritmo perfeito e o som desse ritmo vai depender apenas da sua vibração, portanto, saia do padrão insano da mente e do ego controlador e entre na sintonia daqueles que confiam plenamente na vida e na beleza de existir!

Amor, luz e consciência. Sempre.

Cíñtia Rizzö

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s